Introdução aos fluxos de trabalho do SharePoint.

Se em algum momento você se deparou com a necessidade de reduzir a quantidade de interações desnecessárias entre os colaboradores, automatizar processos ou até mesmo auditar rotinas de sua empresa, os fluxos de trabalho do SharePoint são formas eficazes e convenientes para suas demandas.

-> Solicitar orçamento de uma solução nas plataformas Microsoft.

O que são fluxos de trabalho do SharePoint?

Um fluxo de trabalho do SharePoint consegue simplificar uma série de etapas, ações e/ou decisões que executam funções automatizadas. Pense nessa aplicação como um fluxograma que tem início e fim, além de conter decisões, ações e etapas efetuadas em uma série de atividades programadas.

Os fluxos de trabalho podem ser tão simples quanto aprovar um documento antes que ele seja disponibilizado ou tão complexos quanto um processo de aprovação com formulários eletrônicos e gerenciamento de grandes projetos.

Quando você usa este recurso, toda verificação, rastreamento, lembretes e atividades são feitos automaticamente pelo fluxo de trabalho desenvolvido através de ferramentas que compõe a plataforma (SharePoint Designer, Visual Studio, ferramentas de terceiros e outros), além de normalmente serem implementados em listas ou bibliotecas e disponibilizados nas diversas versões on-premises ou online do SharePoint.

-> Quero conhecer mais sobre as soluções que a S4R tem para minha empresa.

Para que possamos entender melhor os fluxos de trabalho no SharePoint, vamos nos aprofundar um pouco mais no que tange a aplicação:

⦁ Ciclo de Vida – Durante alguns dos seguintes estágios, os formulários podem ser usados para reunir entrada de dados que são necessárias para o processo como um todo:

– Associação – Anexado a uma lista ou site;

– Inicialização – Quando um objeto é criado;

– Modificação – Quando um objeto é modificado;

– Finalização – Fluxo é finalizado.

⦁ Fluxos sequenciais:

Representa uma rotina com sequência de etapas que são executadas em ordem até que a última atividade seja concluída. No entanto os fluxos sequenciais não são puramente dessa maneira, como eles podem receber eventos externos e inicializar processos paralelos, a ordem exata da execução dessas atividades pode variar.

⦁ Fluxo máquina de estado:

Uma rotina deste tipo representa um conjunto de estados, transições e ações. Um estado é indicado como inicial e com base em eventos uma transição pode ser feita para outro estado até que o processo seja concluído.

Com isso podemos concluir que os fluxos de trabalho SharePoint amparam as pessoas no gerenciamento de tarefas através das automatizações de negócios em objetos de um site SharePoint. Estes processos auxiliam a organização e a aderência a processos consistentes, além de melhorar a eficiência e efetividade da empresa.

-> Quer conhecer ainda mais sobre a ferramenta? Clique e leia também este artigo.

-> Gostou? Leia mais também sobre o que é Power BI.

www.s4r.com.br

Fechar Menu