Vamos falar sobre Cultura Organizacional?

Ao pensar nesse assunto, o que vem a sua cabeça? Por que é tão importante abordar esse conceito e até mesmo se preocupar em olhar para dentro da empresa a fim de buscar perceber qual é a cultura praticada entre os colaboradores, e claro, por você?

Porque, quando o assunto é Cultura Organizacional, até mesmo um único membro da equipe contribui para o estado sua empresa hoje.

Por que se preocupar com a cultura da sua empresa é importante?

Caso não tenha ouvido nada a respeito desse assunto ou que o engajamento dos colaboradores e, consequentemente, os resultados da empresa estão diretamente ligados à qualidade de sua cultura, estamos aqui para alertá-lo: é de extrema importância que se preocupe com isso e busque entender melhor como as coisas andam por aí.

Entretanto, ao procurar entender melhor a Cultura de sua empresa e se deparar com constatações nada animadoras, os gestores ficam preocupados e sem saber o que fazer. Contudo, se você também está perdido, sem saber por onde começar a resolver o problema, continue conosco para podermos te ajudar a encontrar um caminho.

Como fortalecer a sua cultura organizacional?

Existem três conceitos que podem direcionar a estratégia da empresa e contribuir para que os esforços estejam alinhados com suas necessidades.

Eles, quando bem trabalhados, contribuem diretamente para uma melhor comunicação dos processos mais importantes quando falamos em gestão de pessoas: o alinhamento das expectativas em relação ao que é esperado de cada um, o que é importante, o que não é aceito de forma alguma, quais são os comportamentos esperados, quais contribuem para o sucesso do negócio e o que vai na contramão dessas diretrizes, por exemplo, são alguns deles.

Os conceitos citados acima são a missão, a visão e valores da empresa.

Nunca existiu uma regra sobre como abordar e alinhar esses conceitos, mas no passado a maioria das empresas utilizava o mesmo formato na hora de comunicar essas informações, tanto internamente, quanto para o mercado. Já hoje, a criatividade tomou o espaço de scripts e formatações a serem seguidas, fazendo com que as empresas compartilhem seus anseios de diferentes maneiras.

Ao realizar esse tipo de trabalho, a companhia precisa entender o que é importante para ela, o que ela considera crucial e ao mesmo tempo inadmissível para seguir cada vez mais nos trilhos do sucesso.

Sabemos que existem alguns conceitos muito fortes a respeito do que é imprescindível em um ambiente de trabalho, como a comunicação clara, foco no cliente, liderança forte, colaboração, entre várias outras temáticas positivas. Então, em meio a tudo isso, cabe à empresa esclarecer e assumir o que é mais importante para apostar na construção, formalização e disseminação dessas informações.

Uma empresa que tem claro o seu PORQUÊ, seu motivo de existência e a diferença que ela pode fazer no mercado e na vida das pessoas, consegue transmitir essas informações sem grandes dificuldades, fidelizando colaboradores e clientes.

Quando se sabe o seu PORQUÊ, fica mais esclarecedor o entendimento DO QUE se pode fazer e COMO fazer as coisas a fim de alcançar seus objetivos. Portanto a ideia é investigar e esmiuçar todas as informações dentro desse contexto, para se ter o entendimento do motivo de existência da empresa, uma visão de onde ela quer chegar e o que é imprescindível para as pessoas que ali estão.

Todas essas informações levantadas contribuirão para o fortalecimento de outros projetos e processos que fazem parte da rotina da empresa, como a avaliação de performance dos colaboradores, a experiência do colaborador e o engajamento de todos os envolvidos.

A partir do momento que as informações importantes do processo forem levantadas, é importante desenvolver um planejamento para a sua disseminação entre os colaboradores e o mercado. Nele deve conter ações de comunicação interna, divulgação do site da empresa, entre outras possibilidades a partir de meios de comunicação.

O mais importante a se fazer é procurar sempre refletir as decisões e ações que acontecem na empresa, bem como os valores que foram alinhados como sendo o caminho a seguir. Essa é uma forma prática de evoluir o processo, praticando o exemplo.

E por falar em exemplo, como fica o papel da liderança neste contexto?

E o papel da liderança?

Como em todo processo dentro de uma organização, o papel do líder é de extrema importância quando falamos da disseminação de comportamentos que são esperados pelas pessoas que compõe o time da empresa.

O líder precisa obrigatoriamente acreditar no que está fazendo e confiar na estratégia da empresa, pois a cultura organizacional, por mais que seja considerada um conceito mais abstrato, na prática, é o que o líder acredita e exerce todos os dias.

Ou seja, se a liderança de uma empresa não está engajada com o processo de revisão e construção da cultura organizacional, pode ter certeza que você terá um longo e frustrante caminho pela frente.

Por isso é tão importante ter na liderança pessoas que acreditam no negócio, sejam flexíveis e queiram evoluir cada dia mais, pois assim o processo, seja ele qual for, flui de forma mais natural.

Acredite: é muito importante que o que está no papel seja vivenciado no dia a dia da empresa por todos os funcionários.  Felizmente, existem várias formas de organizar esse processo e, apesar de serem maneiras complexas e que exigem bastante trabalho e dedicação, são fundamentais para a qualidade dos negócios e relacionamentos dentro de uma empresa. 

Fechar Menu